Encontro de Casais com Cristo: 50 anos formando famílias missionárias

Por
06 de dezembro de 2019

Em 1970, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Pompeia, na Arquidiocese de São Paulo, nascia o Encontro de Casais com Cristo, mais conhecido pela sigla ECC, por iniciativa do missionário camiliano Padre Alfonso Pastore. 
No sábado, 30 de novembro, foram abertas, com uma missa na Catedral da Sé, as comemorações dos 50 anos de existência desse serviço eclesial que está presente em mais de 800 paróquias espalhadas por todas as regiões do Brasil e até em algumas dioceses no exterior, como, por exemplo, no Canadá.
A celebração foi presidida pelo Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de São Paulo, e concelebrada por padres que acompanham o ECC e inúmeros casais com seus familiares, que encheram a Catedral. 

FAMÍLIA CRISTÃ
Na homilia, Dom Odilo partiu da esperança vivida no tempo do Advento, para ressaltar que o que motivou o Padre Pastore a fundar o ECC foi a esperança de que os casais possam viver o ideal cristão do Matrimônio e da família no meio do mundo. “Esperança essa que a Igreja continua tendo ao encorajar as pastorais e movimentos voltados às famílias”, afirmou.
O Cardeal Scherer recordou, ainda, a importância da família para a sociedade, mesmo que nem sempre seja reconhecida e valorizada. “A sociedade que descuida e fragiliza as famílias colhe muitos problemas no futuro”, destacou. 
Também segundo o Arcebispo, o testemunho das famílias transforma o convívio social a partir da sua vivência de amor e doação na realização daquilo que não pode ser feito por outras instâncias da sociedade. “O Estado não é pai, nem mãe, nem filho, nem avô... Quando o Estado não tem mais a família, a sociedade tem que fazer aquilo que não lhe cabe, e paga muito caro por isso. O amor não se paga”, ressaltou. 

BASE DA SOCIEDADE
Dom Odilo acrescentou que a família é também fundamental para a Igreja. “Por isso, a Igreja reconhece que vocês são uma pequena comunidade eclesial, em nome de Jesus Cristo e da comunidade santa. Cada família é um pequeno núcleo da Igreja, célula-base. Se vocês desempenham bem sua missão como casal, pais e educadores, a Igreja vai bem”, disse.
“Conclamo todos vocês a viverem bem o seu casamento e sua vida familiar. Não tenham medo de educar seus filhos nos valores cristãos. Vivam bem seu núcleo familiar de acordo com suas convicções. Será uma grande contribuição para a sociedade, para que a vida social tenha uma base sólida. Do contrário, o convívio social cai nas mãos de alguns aventureiros que, com suas ideologias, querem fazer a cabeça de todo mundo”, completou o Cardeal. 

MILHÕES DE CASAIS
Nestas quase cinco décadas, mais de 3,8 milhões de casais passaram pelo ECC, seja participando, seja trabalhando, uma vez que este serviço tem como característica principal ser uma ação de casais feita para casais. 
Participantes do ECC há 19 anos, Edison Piccino e Maria Augusta Duarte Piccino são o casal responsável por acompanhar o serviço na Arquidiocese de São Paulo. 
Edison Pieccinoexplicou ao O SÃO PAULO que o ECC é dividido em três etapas: “A primeira consiste no chamado, no despertar para a vida de fé; a segunda etapa é mais catequética; e a terceira é voltada para a ação evangelizadora”. Somente na Arquidiocese de São Paulo são realizados cem encontros da primeira etapa por ano. 

EM MISSÃO
Embora seja um movimento voltado para os casais, o ECC tem como foco toda a família. “Nosso objetivo é tornar os casais missionários, a começar por sua própria família”, destacou Piccino.
Depois de participar do primeiro encontro, a maioria dos casais começa a trabalhar na organização de novos encontros e sair em busca de outros casais que estão afastados da Igreja para participarem do ECC. 
O Encontro de Casais com Cristo é considerado, por muitos casais, como uma “porta de entrada” para a vida eclesial. “O ECC não visa prender os casais para si, quer torná-los discípulos missionários de Jesus Cristo, comprometidos com sua comunidade e com o Reino de Deus”, enfatizou o Padre Élcio Roberto Góes, Diretor Espiritual do ECC no estado de São Paulo. 

TESTEMUNHOS
Juliana Ribeiro Domingos Sieiro e Valmir Martins Sieiro são casados há 12 anos, têm um filho de 5 anos e participam do ECC há quatro. Para eles, o encontro foi fundamental para estreitar os laços conjugais a partir da fé. “O ECC nos ajudou a entender melhor o sentido do nosso Matrimônio e a enfrentar os desafios da vida cotidiana”, disse Juliana. 
Casados há 54 anos, Joaquim Rodrigues Oliveira e Carmelina Blanco de Oliveira têm quatro filhos, oito netos e três bisnetos. Eles participaram pela primeira vez do ECC em 1997. “Foi a partir daí que iniciamos, de fato, a construção da nossa vida matrimonial”, afirmou Carmelina, destacando que o movimento os ajudou a tomar consciência da vocação a que foram chamados e a viver a vida conjugal na presença de Jesus Cristo. 

RENOVAR o COMPROMISSO
“Deus, em sua infinita bondade, tem realizado maravilhas por meio desse serviço na vida das famílias”, manifestou o Padre Élcio Góes, no fim da celebração. O Diretor Espiritual também afirmou que o jubileu é tempo de alegria e de manifestação da graça de Deus. 
As comemorações do jubileu de ouro do ECC em 2020 também contarão com uma missa na Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Pompeia e uma romaria ao Santuário Nacional de Aparecida. 
“Renovamos diante de Deus e da Igreja o nosso compromisso e desejo de continuarmos este serviço. Queremos continuar sendo fiéis ao mandato de Jesus que nos diz: ‘Ide por todo o mundo e pregai o Evangelho a toda criatura’. Queremos responder ao apelo da Igreja e do Papa Francisco para sermos uma Igreja em saída”, completou o Padre Élcio.

Comente

Em ação de graças pelos trabalhos do Encontro de Casais com Cristo

Por
29 de novembro de 2019

Na Paróquia São José, no bairro do Jaguaré, Setor Pastoral Butantã, aconteceu na quinta feira, 21, uma missa em ação de graças pelos trabalhos do Encontro de Casais com Cristo (ECC), presidida por Dom José Benedito Cardoso, Bispo Auxiliar da Arquidiocese na Região Lapa. Concelebraram os Padres Laudeni Ramos Barbosa, CSC, Pároco, e Geraldo Pedro dos Santos, Pároco na Paróquia Santa Luzia e Coordenador do ECC.
Dom José Benedito, na homilia, disse que naquela missa todos agradeciam a Deus o trabalho do ECC, em todas as três etapas. “Agradecemos, também, a recuperação de casais e o fortalecimento do vínculo de aprofundamento da espiritualidade do casal cristão”, afirmou.
Da inquietude do Padre Afonso Pastore, que dedicou a sua vida à Pastoral da Saúde e à Pastoral Carcerária, teve início o ECC em 1970, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário, na Vila Pompeia, em São Paulo, idealizado para ser desenvolvido em três etapas distintas, indispensáveis, relacionadas entre si, cada uma com características e finalidades próprias. Uma etapa prepara a outra e deve ser observada a partir de um crescimento de seus integrantes e de sua comunidade. 
A primeira etapa é o momento evangelizador e missionário, é o despertar, o chamado aos casais afastados da Igreja. Na segunda etapa, pretende-se levar o casal à reflexão sobre o verdadeiro sentido da fé batismal, para que viva plenamente a mensagem de Jesus Cristo. E, na terceira etapa, propõe-se aos casais uma reflexão profunda, séria e adulta do homem que vive em uma sociedade cheia de injustiça, opressão, miséria, egoísmo, dominação e marginalização.

Comente

Em ação de graças pelos trabalhos do Encontro de Casais com Cristo

Por
29 de novembro de 2019

Na Paróquia São José, no bairro do Jaguaré, Setor Pastoral Butantã, aconteceu na quinta feira, 21, uma missa em ação de graças pelos trabalhos do Encontro de Casais com Cristo (ECC), presidida por Dom José Benedito Cardoso, Bispo Auxiliar da Arquidiocese na Região Lapa. Concelebraram os Padres Laudeni Ramos Barbosa, CSC, Pároco, e Geraldo Pedro dos Santos, Pároco na Paróquia Santa Luzia e Coordenador do ECC.
Dom José Benedito, na homilia, disse que naquela missa todos agradeciam a Deus o trabalho do ECC, em todas as três etapas. “Agradecemos, também, a recuperação de casais e o fortalecimento do vínculo de aprofundamento da espiritualidade do casal cristão”, afirmou.
Da inquietude do Padre Afonso Pastore, que dedicou a sua vida à Pastoral da Saúde e à Pastoral Carcerária, teve início o ECC em 1970, na Paróquia Nossa Senhora do Rosário, na Vila Pompeia, em São Paulo, idealizado para ser desenvolvido em três etapas distintas, indispensáveis, relacionadas entre si, cada uma com características e finalidades próprias. Uma etapa prepara a outra e deve ser observada a partir de um crescimento de seus integrantes e de sua comunidade. 
A primeira etapa é o momento evangelizador e missionário, é o despertar, o chamado aos casais afastados da Igreja. Na segunda etapa, pretende-se levar o casal à reflexão sobre o verdadeiro sentido da fé batismal, para que viva plenamente a mensagem de Jesus Cristo. E, na terceira etapa, propõe-se aos casais uma reflexão profunda, séria e adulta do homem que vive em uma sociedade cheia de injustiça, opressão, miséria, egoísmo, dominação e marginalização.

Comente

Diocese de Santo André foi sede de Encontro do Regional Sul 1 do ECC

Por
20 de novembro de 2018

O Movimento ECC – Encontro de Casais Com Cristo é atuante em quarenta dioceses pertencentes ao Regional Sul 1 da CNBB. E seus dirigentes, leigos e eclesiais se reuniram durante todo o sábado, (10/11), quando participaram da 40ª Reunião do Conselho Regional Sul 1 do ECC. Este encontro foi realizado na Diocese de Santo André, que acolheu os participantes na Paróquia São Caetano, no Bairro da Fundação, em São Caetano do Sul.

A Missa de abertura dos trabalhos aconteceu logo às 8h da manhã e foi presidida por Dom Pedro Carlos Cipolini, bispo da Diocese de Santo André. Ao seu lado, no Presbitério estavam diversos sacerdotes de diversas cidades do interior do Estado: Pe. Aguinaldo (Bauru), Pe. Jair (Paulo de Faria), Pe. Luis (Campo Belo), Pe. Elcio (Itapetininga), Pe. Eder (Guarulhos), Pe. Edson (Itapetininga), além dos presbíteros da diocese anfitriã: Pe. Gilberto (pároco da paróquia acolhedora), Pe. Vinicius, Pe. Camilo e Pe. Sidclei, coordenador espiritual do movimento.

Dom Pedro falou de sua alegria pela Diocese de Santo André estar sediando este grupo de trabalho e deu as boas-vindas a todos os casais presentes. Este ano a nossa diocese já acolheu os encontros estaduais da Pastoral da Sobriedade e da Pastoral da Pessoa Idosa.

Aos casais deixou a mensagem de que devemos sempre ter este encontro com Jesus Cristo. “Deus não nos enviou somente o mensageiro. Deus nos enviou a própria mensagem. Jesus veio para nos ensinar o caminho para chegar a Deus. E no projeto de Deus o homem se reúne com a mulher por meio do amor”. E completou. “Quem nos dá força é Jesus, para vencermos os obstáculos”.

Ao final da celebração o casal coordenador do ECC na Diocese de Santo André, Edson e Fátima Ceccato também acolheu os casais e agradeceu o empenho e dedicação dos casais diocesanos e diretores espirituais que estavam encerrando suas funções, bem como pedindo para que sejam abençoados e iluminados pelo Espírito Santo os casais que estão chegando para assumir o compromisso de servir a Deus e ao próximo, por meio do ECC, com pobreza, doação, simplicidade, alegria e oração. Os trabalhos seguiram depois até o final da tarde.

Comente

Padre José Eduardo ensina sobre significado de Sacramento do Matrimônio e Família

Por
27 de agosto de 2018

Na terça-feira, 14, a Paróquia Nossa Senhora do Rosário da Pompéia, do Setor Pastoral Perdizes, recebeu o Padre José Eduardo de Oliveira e Silva, da Diocese de Osasco (SP), para falar sobre a teologia do Sacramento do Matrimônio e família no grupo do Pós Encontro de Casais com Cristo, com a finalidade de ensinar aos casais o real significado do Sacramento e assim transformá-los em multiplicadores dos valores e ensinamentos da Igreja.

 

ENCONTRO DE CASAIS COM CRISTO

O ECC nasceu da inquietude de um sacerdote, Pe. Alfonso Pastore, que dedicou sua vida sacerdotal à Pastoral Familiar, à Pastoral da Saúde e à Pastoral Carcerária.

A iniciativa teve berço na Paróquia Nossa Senhora do Rosário, na Vila Pompéia, em São Paulo-SP. Como disse textualmente o seu fundador: “começou porque Deus quis, e a presença e atividade do ECC no Brasil são a prova da ação de Deus na humanidade”.

O Encontro de Casais com Cristo (ECC) é um serviço da Igreja em favor da evangelização das famílias. Procura construir o Reino de Deus aqui e agora, a partir da família, da comunidade paroquial, mostrando pistas para que os casais se reencontrem com eles mesmos, com os filhos, com a comunidade e, principalmente, com Cristo. Para isto, busca compreender o que é ser Igreja hoje e seu compromisso com a dignidade da pessoa humana e a justiça social.
 
A evangelização do matrimônio e da família é missão de toda a Igreja, em que todos os fiéis devem cooperar segundo as próprias condições e vocações. Deve partir do conceito exato de matrimônio e de família, à luz da Revelação, segundo o Magistério da Igreja (Orientações pastorais sobre o matrimônio - CNBB Doc. Nº 12 / DN-pág. 13).

 

SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO

O Matrimônio é um Sacramento instituído por Nosso Senhor Jesus Cristo, que estabelece uma união santa e indissolúvel entre o homem e a mulher, e lhes dá a graça de se amarem um ao outro santamente, e de educarem cristãmente seus filhos.

Foi instituído pelo Próprio Deus no Paraíso terrestre; e no Novo Testamento foi elevado por Jesus Cristo à dignidade de Sacramento.

Na época em que se inicia a Semana Nacional da Família, a teologia do Sacramento do Matrimônio reforça os objetivos e a importância que esse sacramento possui, sendo a aliança conjugal algo que enriquece a Igreja, dá início a uma nova comunidade familiar, fundamenta a educação das crianças cristãs e oferece extensão ao ensino religioso vivido nas famílias católicas.

Definido como um “Mistério Grande” por São Paulo, O Papa Francisco ressalta o valor do matrimônio: “Homens e mulheres, corajosos o suficiente para levar este tesouro nos ‘vasos de argila’ da nossa humanidade, são um recurso essencial para a Igreja e para todo o mundo. Deus os abençoe mil vez por isso!”

 

(Com Informações de Canção Nova e Paróquia Nossa Senhora do Rosário da Pompéia)

Comente

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.