SÃO PAULO

Região Belém

Primeira imagem de Santo Oscar Romero da Arquidiocese está no Parque Santa Madalena

Por PADRE ALEXANDRE FERREIRA SANTOS
06 de fevereiro de 2019

A imagem foi produzida exclusivamente para essa comunidade

Marcos Lucas

No domingo, 3, a Comunidade Santo Oscar Romero e Santa Luzia, da Paróquia Santa Maria Madalena, no Setor Sapopemba, realizou a celebração de entronização da imagem de seu padroeiro, canonizado pelo Papa Francisco em 14 de outubro de 2018.

A imagem foi produzida exclusivamente para essa comunidade, por iniciativa do Pároco, Padre Alexandre Ferreira Santos, sendo a primeira da Arquidiocese de São Paulo dedicada ao santo de El Salvador.

Desde a sua fundação, nos anos 80, a comunidade eclesial já tinha escolhido Dom Oscar como modelo de vida cristã. Com a canonização e com a nova imagem, inicia-se um novo período de fé e devoção dessa porção do povo de Deus.

Conhecido como “Santo das Américas”, Mártir, Romero foi um grande defensor dos direitos humanos e dos pobres. O então Arcebispo de San Salvador foi assassinado enquanto celebrava uma missa em 24 de março de 1980. “Se não tivesse comungado não teria morrido, se não tivesse seguido Jesus Cristo não teria morrido, se não tivesse se colocado contra as injustiças não teria morrido, mas também não teria sido santo”, destacou o celebrante na homilia, dirigindo-se especialmente a cinco crianças que receberam a Eucaristia pela primeira vez nessa mesma missa.

A Comunidade Santo Oscar Romero e Santa Luzia está localizada na Rua Iaque, 100, próxima ao ponto final do ônibus Parque Santa Madalena e se reúne para as celebrações dominicais às 8h30, quando se pode visitar a imagem de veneração pública.

 

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.