SÃO PAULO

TBT

O SÃO PAULO recorda seu aniversário de fundação

Por Flavio Rogério Lopes
23 de janeiro de 2020

No próximo sábado, dia 25, o jornal completa 64 anos

Edição 53 do O SÃO PAULO

Nesta quinta-feira, 23, a série “#TBT O SÃO PAULO” recorda a edição número 53 do semanário da Arquidiocese de São Paulo, publicada em 25 de janeiro de 1957, que noticiou o aniversário do primeiro ano de fundação do semanário Arquidicioseano, que completa 64 anos no próximo dia 25, festa de conversão de São Paulo e aniversário da cidade.

A primeira edição foi publicada em 25 de janeiro de 1956, e vinha para ocupar o lugar do jornal O LEGIONÁRIO, que de 1930 a 1956, funcionou ao mesmo tempo como informativo da Congregação Mariana e órgão oficioso da Arquidiocese. O SÃO PAULO substituiu também o Boletim Eclesiástico, que desde 1905 divulgava a caminhada da Igreja na cidade.

“No dia 25 de janeiro foi distribuído o primeiro número desse semanário, cujo lema é expressivo: ‘Veritatis et sobrietatis verba loquor’ (Verdade e sobriedade nas palavras que são ditas)”, registra o Livro Tombo da Arquidiocese, sobre a criação do semanário. 

TRECHO DA EDIÇÃO

Em 25 de Janeiro de 1957, o Cardeal Carlos Carmelo de Vasconcellos Motta, Arcebispo de São Paulo, escreveu um artigo com o título “Nome Privilegiado” sobre o primeiro ano de circulação do O SÃO PAULO:

“De todos os grandes ou pequenos jornais ou periódicos de Piratininga nenhum ostenta um nome mais belo, mais simbólico, mais tradicional, mais gramatico e mais programático, e, mais cristão, do que este pequenino e quase infante “O SÃO PAULO”, que o leitor amigo está manuseando, e que, pela primeira vez, está aniversariante.”

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.