SÃO PAULO

Missa

‘Na Anunciação do Senhor, celebramos o início da nossa redenção’

Por Fernando Geronazzo
25 de março de 2020

Afirmou o Cardeal Odilo Pedro Scherer, durante missa desta quarta-feira, transmitidas pelos meios de comunicação

Na manhã desta quarta-feira, 25, o Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo de SÃo Paulo presidiu a missa da Solenidade da Anunciação do Senhor, transmitida pelo rádio e pela internet direto da sua residência.

Na homilia, Dom Odilo recordou que, nessa solenidade, celebra-se o mistério da encarnação de Jesus Cristo no ventre da Virgem Maria. Ao ouvir o anúncio do anjo de que conceberia e daria à luz o Filho de Deus, Nossa Senhora acolhe e se entrega à Palavra de Deus. “Maria, portanto, coloca-se em uma atitude de grande fé e de disponibilidade para que a obra de Deus se realize nela e por meio dela para todo o mundo, afirmou o Cardeal.

O VERBO SE FEZ CARNE

O Arcebispo destacou que o foco principal dessa solenidade é expresso na oração litúrgica do dia, que diz: “Ó Deus, quisestes que vosso Filho se fizesse homem no seio da Virgem Maria; dai-nos participar da divindade do nosso Redentor, que proclamamos verdadeiro Deus e verdadeiro homem”.

“Aqui está em ação a obra de Deus, que envia o seu Filho, é um projeto da Santíssima Trindade de redenção da humanidade”, ressaltou Dom Odilo, acrescentando que o Verbo divino se encarnou para que cada ser humano participe da sua divindade.

O Cardeal lembrou, ainda, que a Anunciação  do Senhor é celebrada exatamente nove meses antes do Natal, solenidade que também tem como centro o mistério da encarnação. “O Verbo de Deus assume a nossa carne e é verdadeiro Deus e verdadeiro homem.. São Paulo diz que Jesus se esvazia da sua gloria para assumir a nossa veste humilde da humanidade”, completou.

“Hoje celebramos este mistério da fé, o início da nossa redenção... A nossa religião é unirmos a Jesus Cristo que se uniu a nós e nos unimos a ele pela fé e somos redimidos pela sua divindade”, enfatizou o Arcebispo.

A COMUNIDADE E OS POBRES

No fim da missa, Dom Odilo renovou o seu apelo para que os fiéis permaneçam unidos à comunidade eclesial mesmo em meio ao isolamento domiciliar recomendado pelas autoridades para conter a disseminação do novo coronavírus. “A Igreja é uma grande comunidade de comunidades, embora sejamos uma comunidade midiática, procuremos manter, os vínculos que nos une pela fé”, exortou.

O Arcebispo recomendou, ainda, para que os pobres não sejam esquecidos em suas necessidades básicas, como alimentação e hidratação, além do cuidado da saúde e higiene, por se tratarem de um grupo com maior risco de contágio do COVID-19.

“Nossas organizações que cuidam dos pobres precisam do nosso apoio para continuar a atendê-los e aliviar seus sofrimentos”, concluiu Dom Odilo.

As missas presididas por Dom Odilo são transmitidas diariamente, às 7h, pela rádio 9 de Julho e pela página da Arquidiocese no Facebook.

ASSISTA AO VÍDEO DA MISSA DESTA QUARTA-FEIRA:

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.