INTERNACIONAL

Estados Unidos

Governador de Nova Iorque aprova aborto até nono mês

Por Filipe David
05 de fevereiro de 2019

Inúmeros fiéis católicos americanos estão protestando, sentindo-se ultrajados pelo comportamento indigno e anticristão do governador

Reprodução da Internet

O governador de Nova Iorque, Andrew Cuomo, que se diz católico, assinou uma lei que, na prática, autoriza o aborto até o nono mês de gravidez em todo o estado de Nova Iorque. O governador não apenas assinou a lei, como foi um dos grandes defensores do aborto em toda a sua carreira política. O governador também propôs que fosse feita uma celebração – que o prédio construído onde antes estavam as torres gêmeas fosse todo iluminado – pelo “direito” ao aborto.

Inúmeros fiéis católicos americanos estão protestando, sentindo-se ultrajados pelo comportamento indigno e anticristão do governador e têm pedido a sua excomunhão. Dom Joseph Strickland, Bispo de Tyler (no Texas), afirmou que qualquer sociedade saudável chamaria a medida do Governador de infanticídio!”.

Fonte: Life Site News/ National Review
 

LEIA TAMBÉM: Primeira nova igreja desde 1959

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.