INTERNACIONAL

Abas primárias

China

Erradicação da ‘influência estrangeira’ na Igreja

Por Filipe David
10 de junho de 2018

O objetivo do plano é adaptar as práticas e os princípios religiosos aos ideais comunistas chineses.

.

O governo chinês publicou um plano de cinco anos para erradicar toda influência estrangeira sobre a religião no País. O objetivo do plano é adaptar as práticas e os princípios religiosos aos ideais comunistas chineses. O plano foi aprovado pela “Igreja Patriótica”, composta por fiéis católicos e bispos escolhidos pelo Partido Comunista Chinês e não reconhecida pelo Vaticano.

Embora os detalhes do plano não estejam claros, ele inclui o “entendimento da história da Igreja” na China, pesquisa teológica e ênfase na “evangelização”. O Presidente Xi Jinping está comprometido com a erradicação de toda “influência externa sobre a religião” no País, como ele tem repetido publicamente desde 2015.

Fonte: Catholic Herald
 
Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.