NACIONAL

Novembro Azul

Em novembro, a cor azul dá o tom da prevenção

Por Daniel Gomes e Jenniffer Silva
08 de novembro de 2018

A campanha Novembro Azul busca promover na sociedade a conscientização sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata

Reprodução da Internet

O câncer de próstata representa 36,9% dos casos dentre os tipos de tumores apresentados por homens com 18 anos ou mais, segundo a Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), divulgada em 2013 pelo IBGE. Em 2015, 14.484 homens morreram em decorrência da doença no Brasil, de acordo com Ministério da Saúde.

Criada em 2013, na Austrália, e posteriormente adotada por outros países, a campanha Novembro Azul busca promover na sociedade a conscientização sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata.

De acordo com estimativas do Instituto Nacional de Câncer (Inca), até o fim deste ano, o Brasil terá 68,2 mil novos casos de câncer de próstata. Em 2017, o Inca lançou a cartilha “Câncer de Próstata: vamos falar sobre isso?”, com a meta de dar maior visibilidade à prevenção e tratamento da doença.

Conforme dados da cartilha, homens obesos, com histórico de câncer na família e idosos têm maior chance de desenvolver a doença. Em 2013, dos 408 mil casos registrados, 56,2% foram entre aqueles com idade de 65 a 74 anos.

Fontes: Ministério da Saúde e Agência IBGE Notícias
 

LEIA TAMBÉM: Leigos da América Latina participam de congresso continental em SP

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.