SÃO PAULO

Região Sé

Congregação das Religiosas e Religiosos de Sion: 175 anos

Por Região Sé
29 de novembro de 2017

Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo, presidiu a missa comemorativa na Capela de Sion
 

Colégio Sion

Em comemoração aos 175 anos de fundação da Congregação das Religiosas e Religiosos de Sion, foi realizada no sábado, 25, uma série de atividades na Capela de Sion, no bairro de Higienópolis.

Inicialmente, houve o fórum “Diálogo entre Igreja e sociedade”, tendo como palestrantes o Dr. Ives Gandra Martins e o Dr. Matthias Grenzer, que falaram sobre temas teológicos e suas implicações na vida cotidiana. Na sequência, todos participaram da celebração eucarística, presidida pelo Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano, em que se fez menção especial às famílias. 

A Congregação de Sion surgiu em 1842, por dois irmãos judeus, nascidos em Strasbourg, na França, chamados Theodoro e Afonso Ratisbonne, ambos convertidos ao Cristianismo.

O nome Nossa Senhora de Sion, escolhido por Theodoro, indica o sentido que tem para a Congregação a pessoa de Maria. Filha de Sion por excelência, Maria viveu plenamente a fé e a esperança do povo judeu. Segundo os organizadores do evento, “Sion primeiramente teve que plantar suas raízes em Paris, lá nascer e se desenvolver, depois foi preciso se expandir em Jerusalém. Jerusalém é a coroa da Congregação, pois é de Jerusalém que a Congregação recebeu seu caráter especial. Sem Jerusalém, Sion não teria razão de existir, pois o que significa Sion, se não Jerusalém?”  

(Com informações do Colégio Sion)
 

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.