SÃO PAULO

SOLIDARIEDADE

Cardeal Odilo Scherer visita vítimas do desabamento e equipes de resgate no Largo do Paissandu

Por Redação
03 de mai de 2018

Arcebispo de São Paulo também esteve na Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, que tem sido usada para arrecadar doações

Assessoria de imprensa do Cardeal

O Cardeal Odilo Pedro Scherer, Arcebispo Metropolitano de São Paulo, visitou na noite da quarta-feira, 2, as imediações do edifício Wilton Paes de Almeida, no Largo do Paissandu. O prédio que abrigava aproximadamente 150 famílias  na região central da cidade desabou na madrugada da terça-feira, dia 1º.

Dom Odilo esteve na Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, que tem sido usada para arrecadar doações. Ao longo do dia, a igreja precisou ser fechada por estar lotada de mantimentos e roupas.

Diante de impasses em relação à distribuição dos itens e da preocupação das lideranças das vítimas de que as doações pudessem ser desviadas, o Cardeal pediu que as doações sejam entregues em postos já indicados (veja relação ao final da matéria) para garantir que tudo chegue às mãos dos desabrigados.

O Arcebispo conheceu o comando de operações do Corpo de Bombeiros e em conversa com alguns dos que atuam nos resgates, agradeceu pelo trabalho e recomendou que eles próprios se organizem para descansar.

Dom Odilo pediu calma e compreensão diante da tragédia aos que trabalham e às famílias que estão acampadas no Largo do Paissandu. Ele salientou que é importante entender a sensibilidade de quem perdeu tudo e agora tem medo de não ter mais o pouco que conseguiu juntar.

Ao falar com a imprensa, o Arcebispo também destacou que a tragédia expõe um problema grave de habitação que assola não apenas São Paulo, mas muitas outras grandes metrópoles do País. Para ele, é preciso que haja uma política que garanta acesso à moradia digna com preços que sejam acessíveis também aos mais pobres.

“Não temos um déficit habitacional. O que nós temos é uma distribuição inadequada das habitações, falta uma política habitacional adequada para as necessidades da população” afirmou o Cardeal.

DOAÇÕES

A Igreja Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos, no largo Paissandu, não tem mais condições de receber alimentos e roupas. As doações devem ser direcionadas à Igreja de Santa Ifigênia, ao Santuário São Francisco, à Catedral da Sé e ao albergue do viaduto Pedroso e à Cruz Vermelha. Seguem abaixo os endereços:

- Igreja Santa Ifigênia (rua Santa Ifigênia, 30)

- Santuário São Francisco (largo São Francisco, s/n)

- Catedral da Sé (praça da Sé, s/n)

- Centro de Acolhida (Viaduto Pedroso, 111)

- Cruz Vermelha (avenida Rubem Berta, 860)

(Com informações de Assessoria de imprensa do Cardeal)

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.