SÃO PAULO

Abas primárias

Conheça os premiados

Arquidiocese divulga o nome dos contemplados com a Medalha São Paulo Apóstolo

Por Redação
09 de agosto de 2018

Entrega será em 29 de agosto no Auditório São Paulo Apóstolo. Foram premiadas sete pessoas e três instituições. Houve ainda duas menções honrosas

Divulgação

A Arquidiocese de São Paulo anunciou nesta terça-feira, 7 de agosto, o nome das pessoas e instituições contempladas com a Medalha São Paulo Apóstolo.

Os contemplados são: Rosa dos Santos Ramicelli (Testemunho Laical), Padre Ladislau Klinicki, SDB (Serviço Sacerdotal), Doutor Paulo Frucci (Ação Caritativa e Promoção Humana), Laurentina da Silva (Ação Missionária), Diácono Luiz Carlos de Laet (Inovação na Metodologia Pastoral), Marcelo Cypriano Fernandes Motta (Educação Cristã), José Roberval F. da Silva (Defesa e Promoção da Vida e da Dignidade Humana), Oficina Viva (Cultura), Ultrafarma (Comunicação Social) e Fraternidade Missionária Vicentina (Serviço Social). A medalha também será conferida em menção honrosa à Editora Ave-Maria e ao senhor Luiz Gonzaga Bertelli.

A Medalha São Paulo Apóstolo foi instituída em 2015 dentro das comemorações dos 270 anos de criação da Diocese de São Paulo. A Medalha traz, numa face, a efígie de São Paulo Apóstolo, Patrono da Arquidiocese; na outra face, a vista frontal da Catedral Metropolitana de São Paulo.

No decreto de instituição da medalha, o Arcebispo de São Paulo, Cardeal Odilo Pedro Scherer, ressalta que “todos os batizados foram constituídos como povo de Deus e são participantes do múnus sacerdotal, profético e régio do próprio Cristo” e acrescentou que a homenagem também é um “incentivo para que floresça mais abundantemente a vida eclesial e pastoral nesta Cidade imensa”.

A entrega da Medalha acontecerá em 29 de agosto, às 20h, no Auditório São Paulo Apóstolo, das Paulinas, localizado na Rua Dona Inácia Uchoa, 62, na Vila Mariana.

Lista dos contemplados da medalha São Paulo – 2018

TESTEMUNHO LAICAL:

ROSA DOS SANTOS RAMICELLI

Viúva e mãe de quatro filhos, Rosa dos Santos Ramicelli é agente de pastoral na Paróquia Nossa Senhora da Lapa. Foi cofundadora, com apoio do então bispo auxiliar, Dom Fernando Penteado, do Curso de Teologia para Agentes de Pastoral (CTAP) da Região Episcopal Lapa. Atualmente, integra a coordenação do curso. Trabalha intensamente no projeto “Visitas Missionárias” – responsável pela formação de  centenas de grupos de reflexão em toda a região episcopal. Consequência desta ação pastoral, todas as terças-feiras, reúne-se um grupo na casa de Rosa Ramicelli para leitura e reflexão do evangelho e realização das novenas da Campanha da Fraternidade e do Natal. Além disso, coordena a equipe regional da Campanha da Fraternidade e é a principal articuladora do projeto “Mostra Cultural”, realizada em colégio católico da região, desde 2007, a pedido do então bispo auxiliar Dom João Mamede, com objetivo de envolver paróquias, escolas e entidades no tema da CF. A cada ano, o evento reúne aproximadamente 500 pessoas, entre adultos, adolescentes e crianças que apresentam, com o uso de diferentes linguagens artísticas, o resultado da reflexão sobre o tema da CF do ano.

SERVIÇO SACERDOTAL:

PADRE LADISLAU KLINICKI, SDB

Nascido na Polônia, em 1º de junho de 1914, em 1939 já era seminarista e partiu para Roma para estudar teologia. Devido à 2ª Guerra Mundial, foi preso em Roma pelo exército alemão em 4 de março de 1942, com toda a comunidade salesiana, e, depois de um duro interrogatório, as acusações demonstraram-se falsas. Ordenado sacerdote em Varsóvia em 1943, escapou várias vezes da morte nos campos de concentração nazistas. Transferindo-se ao Brasil em 1985, depois de alguns anos no Equador, reside atualmente na comunidade “Santa Teresinha”, de São Paulo.

AÇÃO CARITATIVA E PROMOÇÃO HUMANA: 

DOUTOR PAULO FRUCCI

Fundador do ambulatório na Paróquia Divino Salvador, atende pessoas carentes, de forma gratuita e com horário marcado. Nos últimos 20 anos, atendeu perto de 27 mil consultas. Articulou uma rede de médicos voluntários, possibilitando o atendimento em várias especialidades como Cardiologia, Clínica geral, Dermatologia, Endocrinologia, Ginecologia, Nutrição,  Ortopedia , Otorrinolaringologia , Pediatria  e Psicologia. O projeto ultrapassou os limites da região, cresceu, e hoje atende pacientes de vários pontos da cidade.

AÇÃO MISSIONÁRIA:

LAURENTINA DA SILVA

Mais conhecida como Iracema, Laurentina foi religiosa da Congregação do Sagrado Coração de Jesus por mais de 30 anos. Tem a vida marcada pelo atendimento e serviço aos pobres, especialmente junto ao Movimento de Defesa do Favelado. Colaborou na construção do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Fundou a Pastoral da Ecologia na Região Episcopal Belém, atuando de maneira incisiva na luta contra a instalação de um aterro sanitário no território de uma área ambiental no Morro do Cruzeiro, no Jardim Santo André, extremo leste da cidade.

INOVAÇÃO NA METODOLOGIA PASTORAL: 

DIÁCONO LUIZ CARLOS DE LAET

Foi com o então bispo auxiliar de São Paulo, Dom Benedito Beni dos Santos, que a Arquidiocese de São Paulo iniciou, em 2005, um trabalho pastoral no ambiente do CEAGESP. Desde então, a presença ministerial do Diácono Luiz Carlos de Laet, com o apoio das associações de trabalhadores do local, tem garantido a realização de atendimentos religiosos e celebrações em datas festivas.

EDUCAÇÃO CRISTÃ:

MARCELO CYPRIANO FERNANDES MOTTA

Membro da Comissão Arquidiocesana do Ano Nacional do Laicato e agente atuante na Paróquia São Gabriel Arcanjo, está à frente do projeto dos centros da cultura da Misericórdia, que desenvolve uma pedagogia da misericórdia mediante a criação de um método que coloca a vivência da fé no centro da educação. Foi presidente, entre 1998 e 2002, do Centro de Estudos Agostinianos, da Ordem de Santo Agostinho (OSA).  Participou como delegado brasileiro pelas Pontifícias Obras Missionárias (POM) do Congresso Americano Missionário, realizado na Guatemala em 2003.

DEFESA E PROMOÇÃO DA VIDA E DA DIGNIDADE HUMANA:

JOSÉ ROBERVAL F DA SILVA

Formado em Teologia pela Faculdade Nossa Senhora da Assunção, trabalha na Secretaria Nacional do Serviço Pastoral dos Migrantes (SPM). Na Grande São Paulo, atua junto aos migrantes nordestinos, fazendo parte do Grupo de Migrantes Urbanos, que se reúne na Missão Paz.

CULTURA:

OFICINA VIVA

Ela começou pequena, como um curso de apoio para cantores, na sobreloja de uma livraria em São Paulo. Aos poucos, a Oficina Viva foi tomando corpo, e hoje é uma produtora com projetos em ampla ascensão. Produtora nova e singular liderada por Ziza Fernandes, tem como objetivo aliar-se à beleza em todos os seus projetos, além disso dar formação humana e musical a cantores (mas não apenas) em todo o país. A atividades, que compreendem produção de shows, de produtos audiovisuais, musicais como o Show Viva, pocket shows, workshops e cursos de desenvolvimento humano para artistas, são centradas no Curso de Expressão Viva (CEV) que a cantora conduz em São Paulo e Rio de Janeiro, com duração de 11 meses consecutivos, e que reúne mais de 200 alunos.

COMUNICAÇÃO SOCIAL:

ULTRAFARMA

A rede de farmácias ULTRAFARMA tem contribuído para a divulgação do Evangelho, por meio do financiamento da transmissão de celebrações direto da Catedral da Sé, do Mosteiro da Luz, do Santuário São Judas Tadeu e de outras igrejas de São Paulo e do Brasil. Além disso, apoia financeiramente outros projetos de evangelização como os meios de comunicação da Arquidiocese de São Paulo e a própria manutenção da Catedral.

SERVIÇO SOCIAL:

FRATERNIDADE MISSIONÁRIA VICENTINA

Ligado Congregação das Filhas da Caridade, o grupo realiza diversos trabalhos em favor dos mais pobres, acolhendo e promovendo a fraternidade, com base na espiritualidade profunda da palavra de Deus. A atuação na Paróquia Imaculado Coração de Maria se destaca no atendimento à população de rua.

MENÇÃO HONROSA:

EDITORA AVE-MARIA

Há 120 anos anunciando o Evangelho por todos os meios possíveis, a Editora Ave-Maria, obra dos Missionários Filhos do Imaculado Coração de Maria (claretianos), destaca-se pelo seu pioneirismo em publicações religiosas no Brasil, as quais podemos destacar: a revista Ave Maria, periódico católico mariano mais antigo do país (28/05/1898); e a Bíblia Sagrada Ave-Maria, a primeira Bíblia católica no Brasil em língua portuguesa (1959). A Editora Ave-Maria possui um vasto catálogo com mais de mil títulos publicados: livros de liturgia, mariologia e teologia que iniciam e aprofundam o conhecimento de estudantes, professores, leigos, religiosos, sacerdotes e demais estudiosos e pesquisadores; livros com temas destinados à pastoral e à evangelização; além de temas destinados à espiritualidade, autoajuda, novenas, devoções e obras gerais e de uma série de livros com o pensamento do Papa Francisco.

MENÇÃO HONROSA:

LUIZ GONZAGA BERTELLI

Historiador, ex-presidente do Centro de Integração Empresa Escola (CIEE), Luiz Gonzaga Bertelli é membro de cinco academias: Academia Paulista de História, Academia de Medicina de São Paulo, Academia Cristã de Letras, Academia Paulista de Educação, e Academia Paulista de Letras Jurídicas é o atual presidente da UJUCASP

Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.