INTERNACIONAL

ESPANHA

Abençoado primeiro panteão para crianças não nascidas

Por Gustavo Catania Ramos
07 de novembro de 2019

Inédito na Espanha, o monumento tem como objetivo reconhecer a dignidade humana desde o momento da fecundação

J. Piero/Archidiocesis de Valência

Um panteão para crianças não nascidas (foto) foi abençoado na sexta-feira, dia 1º. Inédito na Espanha, o monumento tem como objetivo reconhecer a dignidade humana desde o momento da fecundação. O panteão fica no cemitério paroquial da Paróquia Assunção de Torrent, na Diocese de Valência, de acordo com a Associação Torrent, Sim à Vida, promotora da iniciativa. 
Uma imagem da Virgem dos Desamparados, patrona de Valência, uma figura de um anjo e espaço para restos mortais compõem o panteão. Ampara Baviera, presidente da Associação, explicou que o panteão conta com dois espaços para “acolher embriões e fetos, crianças que em definitivo não terminaram seu processo de gestação por diferentes motivos: aborto espontâneo ou provocado”. 
Ampara salientou que agora “os pais e familiares desses bebês que não chegaram a nascer terão um lugar para lhes  dar sepultura e receberão ajuda, também, em sua luta, que não é fácil”. 
“Na atualidade, muitas dessas crianças abortadas são consideradas resíduos médicos, acabando no lixo ou na indústria cosmética. Com essa iniciativa, pretendemos ajudar para a vitória da cultura da vida sobre a cultura da morte”, destacou. 


Fontes: Aci Prensa/ Associación Torrent Sí a la Vida

Tags: 
Para pesquisar, digite abaixo e tecle enter.